Bem vindos

ao meu cantinho.

segunda-feira, 14 de Dezembro de 2009

Iogurtes de Cappuccino e Bolacha

Olá! Passou uma eternidade desde o último post. São muitas as novidades, algumas boas outras nem tanto. A Beatriz está uma TERRÍVEL amorosa :D Cresceu tanto nestes últimos meses, que quando olho para ela já me pergunto onde está a minha bebé pequenina que gostava de dormir aninhada no meu peito! Saudades! Já dá passinhos agarrada a tudo, diz mamã e papá, e mais umas coisitas. Já come comidinha de gente crescida, mas adaptada a ela claro. Quer mexer e brincar com tudo, especialmente o que não é dela! Fica fascinada a ver o Baby TV e dança a ouvir as músicas que lá passam. Tantas, tantas coisas que ela faz que podia estar aqui horas a dar-vos uma tremenda seca ahaha No perfil têm uma foto mais actual da minha princesa.
Antes que fujam, queria agradecer a umas meninas especiais, que mesmo sem receitinhas não deixaram de passar aqui no cantinho e deixar umas palavrinhas amigas (elas sabem quem são).
Finalmente a receita! :D

Ingredientes:

875ml de leite meio gordo
120g de bolacha "Anna's Cappuccino Thins"
110g de açúcar
50g de leite em pó
1 saqueta de Capuccino Café de Viena
1 iogurte natural




Preparação:

Picar a bolacha até ficar em pó e levar ao lume com um pouco menos de
metade do leite até começar a engrossar, mexendo sempre bem com uma
vareta de arames. Tirar do lume quando começar a ficar espesso,
adicionar o açúcar e a saqueta de cappuccino e mexer. Neste ponto usei a
a varinha mágica e triturei tudo uns 20 ou 30 segundos.
Adicionar o leite em pó (só se adiciona agora pq geralmente quando se
deita o leite em pó faz desaparecer qualquer espuma que tenha feito a
varinha mágica ou o cappuccino) e mexer bem. Adicionar o iogurte e
mexer vigorosamente durante 1 minuto ou 2. Deitar nos copos e levar à
iogurteira durante 10 horas.






Beijocas a todos :)

quarta-feira, 29 de Julho de 2009

Batatas Gratinadas da Catarina e um Desafio e já agora parabéns para mim que hoje sou bebé!! :D

Pois é, hoje cá em casa somos duas bebés! :D Uma já mais perto dos entas mas "bem conservada" ahaha
Como prenda o papá ofereceu-me uma Bimby e ando aqui deliciada a experimentar receitas novas, para depois partilhar!

A receita deste post tirei do blog da Mamã Catarina, e como sempre que faço qualquer coisa de lá saiu uma delícia. Bem simples de fazer, é uma óptima alternativa aos acompanhamentos mais corriqueiros.

Ingredientes:

Batatas
Oregãos
Queijo ralado (usei mozarella)
Azeite
Sal e pimenta preta
Não coloco as quantidades porque fiz a olho.

Cozi as batatas descascadas e cortadas em rodelas grossas, numa panela com bastante água e sal. Deixei cozer cerca de 7 minutos depois da água começar a ferver. Convêm que fiquem um pouco rijas, para que não se desfaçam.
Depois de cozidas coloquei numa travessa de forno, reguei com um fio de azeite, polvilhei com um pouco de oregãos em pó, cubri com o mozarella e levei ao forno, pré-aquecido a 200ºC para gratinar. Retirei quando já estavam com uma "capinha" dourada. Uma maravilha!




A Catarina passou-me também um desafio, que consiste em enumerar 4 sítios onde podemos levar os nossos filhos para se divertirem.
Apesar da Beatriz ainda ser muito pequenina para ir a certos sítios (como o zoo) adora ir:

- à praia (se for como a mãe vai adorar dormir a sesta à sombrinha ehehe)
- parque dos poetas em Oeiras (onde vamos muitas vezes passear)
- piscina (é doida por água)

e vai concerteza adorar ir:
- ao Oceanário.

Não vou passar a ninguém, porque todas as mamãs que conheço já foram desafiadas. Se passar aqui alguma que ainda não tenha sido, esteja à vontade para levar :D

Ainda da Catarina (só mimos que ela me dá) recebi um selinho muito giro.



Mais uma vez ofereço a todas as meninas (e alguns meninos tb) que por aqui passam e o queiram levar para os seus cantinhos.


Finalmente e como vos tinha prometido aqui fica uma foto recente da Beatriz! Não me vou repetir a dizer que está linda blá blá hehehe Cada dia que passa estou mais apaixonada...amor de mãe é mesmo inigualável e inexplicável.

segunda-feira, 6 de Julho de 2009

Iogurte de raspas de laranja



Este cantinho tem andado tão parado :( Vi agora que a última postagem foi há um mês. Gostava de vir cá mais vezes, mas o tempo não dá tréguas. A Beatriz está linda mas mais exigente a cada diz que passa. Acabaram as longas sestas durante, e só quer brincadeira e atenção...senão há birra hehehe O que vale é que são micro birrinhas, e logo a seguir presenteia-nos com um sorriso de derreter corações :D Num próximo post prometo colocar umas fotos dela, para verem como ela está linda (mãe babada) e grande...já está quase com seis meses. Meio ano que passou a voar :|

Agora no Verão a minha iogurteira não tem descanso. Estes, de raspas de laranja, são óptimos para quem gosta dos sabores cítricos, e ligeiramente amargos.

800 ML de leite meio-gordo
1 iogurte natural
1 medida de leite em pó (a medida é a caixa do iogurte natural)
raspa de laranja a gosto
2 colheres de sopa de açúcar amarelo


Numa taça colocar o leite ligeiramente morno, juntar o iogurte natural e misturar bem. Em seguida adicionar o leite em pó e o açúcar e misturar novamente. Cobrir o fundo dos copinhos da iogurteira com as raspas de laranja, e deitar o preparado de leite por cima com cuidado. Levar à iogurteira por um período de 10 horas. Retirar e colocar no frigorífico. Ao fim de 4 horas estão prontos a comer.



Boa semana a todos.

sábado, 6 de Junho de 2009

Enchiladas de perú com molho de iogurte

Estas enchiladas surgiram para aproveitar uns bifinhos de perú grelhados. Como queria um prato mais leve e com menos calorias, em vez de natas usei iogurte natural no molho. O sabor ficou excelente, melhor ainda do que com as natas, porque ficou com um gostinho mais ácido.
Pode ser recheada com uma grande variedade de ingredientes, como tirinhas de carne de vaca, azeitonas, etc...

Para duas enchiladas (bem recheadas) usei:

2 tortilhas de trigo
80 gr de bifinhos de perú grelhados e cortados em tiras fininhas
50 gr de pimento vermelho cortado em tiras fininhas
50 gr de cogumelos frescos
50 gr de cebola roxa cortada bem fina
100 gr de polpa de tomate
100 gr de queijo mozarella ralado
1 iogurte natural (125 gr)
1 colher de sopa de azeite
1 colher de café de noz moscada
1 colher de café de gengibre moído
sal e pimenta q.b.

Numa frigideira aloure metade da cebola numa colher de sopa de azeite. Junte os cogumelos e os pimentos e deixe cozinhar por cerca de 8 minutos (até estarem cozinhados mas estaladiços ainda). Junte os bifinhos de perú em tiras, tempere com um pouco de sal e pimenta preta (não esquecer que os bifinhos já tinham sido temperados) e deixe cozinhar por mais 2 minutos. Reserve. Na mesma frigideira coloque a restante cebola com a polpa de tomate e deixe cozinhar por 5 minutos. Tempere com uma pitada de sal, a noz moscada e o gengibre e deixe apurar os temperos. Retire do lume e junte o iogurte natural. Mexa para incorporar tudo. Reserve.
Recheie as tortilhas com a mistura da carne e pimentos, e coloque também um pouco de queijo ralado em cada uma. Enrole e coloque num recipiente para ir ao forno. Regue as enchiladas com o molho de iogurte e polvilhe com o restante queijo ralado. Leve a forno quente (180º C) por aproximadamente 10 minutos.
Estas foram acompanhadas por uma salada verde.

Prontas para levar o molho...



Antes de ir ao forno...




Já prontas...




O interior de uma...





Bom fim de semana a todos :)

domingo, 31 de Maio de 2009

Batido de Cerejas - Pink Day!




Não tem nada de especial esta receita, mas com este calor não tenho muita vontade de estar de volta dos tachos e panelas. Tenho-me fartado de passear com a princesa, e como todo o tempo é pouco opto por receitas fáceis e rápidas :D Mesmo assim não queria deixar de participar no dia cor-de-rosa.

Este batido é um dos meus favoritos, e como me ofereceram uma caixa cheia de cerejas, tenho feito bastante vezes para o meu pequeno almoço.
Para um copo de 250 ML usei:

75gr de cerejas descaroçadas e picadas em pedacinhos
1 iogurte natural magro
1 dl de leite magro (bem frio)
1 colher de sopa de adoçante (conforme o vosso gosto podem colocar mais ou menos)

Juntar tudo na liquidificadora, ligar e deixar triturar durante 1 minuto.

Desculpem pela qualidade da foto, mas a minha máquina deve andar com os calores! :D

Boa semana para todos.

segunda-feira, 25 de Maio de 2009

Compota de Kumkuat

Olá!

Antes de vos falar da compota, tenho de "pagar" uma dívida muiiiito atrasada! Ainda não tinha colocado aqui as prendinhas que a minha nova amiga Cinha me enviou :) Mais um livrinho para a minha colecção (e para a engorda com tanta receita fantástica) e uma espátula que fica mesmo bem na minha cozinha (parece que adivinhou que os meus utensílios são quase todos amarelos :D ). Adorei conhecê-la, através do desafio das trocas do blog Mão na Massa

Depois de trocarmos alguns emails descobrimos que somos de bem perto uma da outra, apesar de eu agora viver em Oeiras :) Foi uma coincidência gira, entre outras que descobrimos.






O kumkuat é um pequeno fruto que se assemelha a uma laranja em miniatura e de sabor ligeiramente ácido. Encontra-se com relativa facilidade na secção de frutas exóticas de qualquer hipermercado e até de alguns supermercados.

3 copos de kumquats picados em fatias finas
1/2 copo de sumo de laranja
1/2 copo de água
5 1/2 copos de açúcar
2 colheres de sopa de agar-agar
2 folhas de gelatina

(1 copo equivale a 250ML aproximadamente)

(pode-se substituir o agar-agar e a gelatina por pectina, se houver)

Lavam-se os kumquats em água corrente e retiram-se os pés, caso ainda
tenham. Cortam-se então a meio e retiram-se todas as sementes, picando-os em fatias
finas. Num tacho levar ao lume os kumquats cortados, os líquidos e o
açúcar, e deixar ferver até atingir o ponto de pérola. Provar de vez em quando,
para ver se precisa de mais açúcar. Quando tiver atingido o ponto de pérola, dilui-se o agar em agar num pouco de água quente e deita-se
na compota, mexendo bem. Deixa-se ferver mais um minuto ou dois, e
retira-se do lume, acrescentando então a gelatina, que entretanto se demolhou
em água fria. Deixa-se cozinhar mais alguns minutos, mexendo sempre muito bem. Retira-se então do lume e deixa-se repousar 5 minutos, colocando de seguida nos frascos previamente esterilizados.

Rende +/- 2 frascos de 0,5l.



Vou agora dar uma voltinha pelos meus cantinhos de culinária favoritos, que já tinha saudades :)

Beijocas.

quarta-feira, 29 de Abril de 2009

Risoto de espargos verdes e cogumelos - Dia Verde




Como boa portuguesa que sou, é quase no último minuto que vou colocar aqui a receita para o Dia Verde. Mas, como diz o ditado, mais vale tarde que nunca. Então aqui vai...

Ingredientes (2 pessoas)

3 espargos verdes frescos
1/2 cebola branca
1 dente de alho
100 gr de cogumelos Portubello
150 gr arroz risotto (usei o da marca Pingo Doce)
Sal e pimenta q.b.
0,5 dl de vinho branco
Manteiga q.b.
Queijo parmesão ralado q.b.

Corte a base dos espargos e leve-os a escaldar em água abundante por aproximadamente 3 minutos. Reserve a água da cozedura dos espargos.
Pique a cebola e o alho e leve a alourar. Junte metade dos cogumelos e deixe cozinhar por aproximadamente 1 minuto ou 2. Adicione então o arroz juntamente com uma pitada de sal. Adicione um pouco da água de cozedura dos espargos e deixe esta evaporar. Quando isso acontecer, adicione um pouco de vinho branco e deixe ferver. Repita este processo mais 3 vezes, após as quais deverá adicionar os restantes cogumelos e os espargos. Junte um pouco mais da água de cozedura dos espargos e deixe cozinhar por mais 15 minutos, mexendo sempre. Findo este tempo adicione uma noz de manteiga e queijo parmesão ralado a gosto. Retifique os temperos e está pronto a servir, após ser polvilhado com uma pitada de pimenta preta

Esta receita foi retirada de um dos folhetos do Pingo Doce. A combinação dos espargos frescos com os cogumelos confere um óptimo sabor suave a este risotto.


Desculpem a qualidade da foto, mas foi mesmo tirada à pressa (claro que a azelhice da fotógrafa também ajudou)!

terça-feira, 14 de Abril de 2009

Iogurtes de Aloe Vera

Olá amiguinhos! Desculpem a minha ausência dos vossos cantinhos, mas a minha princesa exige o tempo todo da mãe só para ela :D Todos os dias penso, "é hoje que vou colocar aquela receita", e quando dou conta...o dia já acabou! Este fim de semana como está mau tempo, ficamos mais em casa, por isso aproveitei a sesta da Beatriz para vir aqui actualizar-me e dar notícias.

Antes de mais vou responder aos desafios que algumas meninas me passaram (eu sei que foi à meses já..vergonha vergonha!).
A simpática Karla, que tem um blog cheio de receitinhas deliciosas, quer saber 8 características da minha personalidade.

1º Sou a teimosia personificada em gente.Nem sempre é bom, mas acredito que devido à minha teimosia me tenho saído bem em algumas coisas, por não desistir facilmente de nada.

2º Sou muito orgulhosa e tenho dificuldade em admitir às vezes que errei. Não é defeito, é feitio mesmo :D

3º Sou muito amiga dos meus amigos. Pelos meus amigos faria qualquer coisa.

4º Sou muito emotiva e tempestuosa. Para mim o amor tem de ser vivido a 200% e com extrema intensidade.

5º Considero-me uma pessoa forte, porque facilmente me deixo ir abaixo com as "porradas" da vida...e acreditem que já levei algumas.

6º Apesar de tudo, sou muito sensível, ao ponto de chorar cada vez que vejo um animal abandonado, por exemplo.

7º Adoro conviver com outras pessoas, por mim estava sempre rodeada de muita gente! Era incapaz de levar uma vida solitária.

8º Perco a paciência e a calma muito facilmente. sim, sou daquelas melgas irritantes que buzinam no trânsito! hehehe

Há quem diga que o meu signo me assenta que nem uma luva...Grrrr :D

A mamã mais querida dos blogs de culinária, a Catarina, passou-me um questionário gigante, mas ao qual eu vou responder de bom grado. Acho giro estes desafios, porque sempre ficamos a conhecer um pouco melhor quem está do outro lado do ecrã.

Nome:
Marta Sofia (adoro os meus dois nomes e digo sempre os dois quando me perguntam o nome)

2. Porque lhe deram esse nome?
Marta, porque nasci no dia de Santa Marta, e Sofia porque a minha mãe gostava do nome. A ideia dos meus padrinhos era chamarem-me Verónica, e ainda bem que a minha mãe não aceitou tão "linda" sugestão! Desculpem-me as Verónicas que possam ler este post!

3. Você faz pedidos às estrelas?
Até hoje só vi uma estrela cadente, por incrível que pareça, e acho que não pedi nada na altura. Sou mais de escrever cartas ao Pai Natal :D

4. Quando foi a última vez que você chorou?
Desde que fui mãe que estou uma chorona! Choro de felicidade tanta e tanta vez! Chorar de tristeza, chorei há dois meses quando faleceu a minha avó paterna, no dia em que a minha princesa fez um mês.

5. Gosta da sua letra?
Adoro! Tenho a mesma letra que tinha na escola primária, todas certinhas e desenhadas!

6. Gosta de pão com quê?
Adoro pão com tudo, mas nada como pão quentinho com manteiga.

7. Quantos filhos você tem?
Tenho a princesa mais linda do Universo e arredores, mas não me importava nada de ter mais uns 3 :)

8. Se você fosse outra pessoa, seria seu amigo?
Modéstia à parte, claro! ahah

9. Saltaria de bungee-jump?
Já saltei, mas jurei para nunca mais!

10. Desamarra os sapatos antes de tirá-los?
Por acaso quando são ténis não!

11. Acreditas que és uma pessoa forte?
Acredito que sim, ou pelo menos tento ser em algumas situações, nem que depois me vá abaixo sozinha (lá está o orgulho a falar mais alto).

12. Gelado favorito?
Corneto de Morango

13. Vermelho ou preto?
Na roupa adoro o preto, mas em tudo o resto o vermelho.


14. O que menos gostas em ti?
Tanta coisa, mas vou só dizer a minha teimosia às vezes.

15. O que mais gostas em ti?
O meu lado maternal. Os meus amigos chegam a gozar comigo, a dizer que eu sou "mãe" de toda a gente.

16. De quem você sente saudades?
Da minha família que vive em Braga. Quem sabe um dia não regresso ás origens!

17. Descreva que roupa e calçado está a usar agora.
Típica roupa de mãe. Calças pretas de algodão e uma t-shirt do piu piu (sim tenho um fraquinho pelo bichinho e ainda uso t-shirts de desenhos animados).

18. Qual foi a última coisa que comeu hoje?
Um iogurte de bolacha que fiz ontem.

19. O que você está escutando agora?
O som do silêncio! Uma dádiva dos deuses :)

20. A última pessoa com quem falou ao telefone?
A minha avó materna.

21. Bebida favorita?
Leite.

22. Comida?
Tudo o que seja pratos de massa.

23. Último filme que viu no cinema e com quem?
O último filme do 007, com a minha cara-metade e dois amigos nossos.

24. Dia favorito do ano?
O Natal. Fico ansiosa para que chegue. É a melhor altura do ano para mim, desde sempre.

25. Inverno ou Verão?
Primavera.

26. Beijos ou abraços?
Abraços.

27. Sobremesa favorita?
Não gosto particularmente de nenhuma, porque não sou grande apreciadora de doces, mas talvez mousse de manga.

28. Que livro está a ler?
"Portokyoto" de Pedro Paixão.

29. O que tem na parede do seu quarto?
Um quadro só.

30. Filmes favoritos?
Tantos, mas vou destacar, "África Minha" e qualquer filme com o Al Pacino.

31. Onde foi o lugar mais longe que você foi?
Sul do Brasil (Rio Grande do Sul, Paraná...)

32. Uma música?
Qualquer uma dos Simply Red.

33. Uma frase?
"Muitos me conhecem, mas poucos sabem quem eu sou"


Ainda está alguém a ler isto?? Quem ficar merece um prémio! :D Pensam vocês, mas isto não é um blog de receitas!? Claro, e sem mais desafios e questionários aqui está ela. Uns belos iogurtes de aloe vera feitos em casa.




Ingredientes:

1 litro de leite meio gordo
2 chávenas de café de leite em pó meio gordo
1 lata de aloé vera em calda
4 colheres de sopa de açúcar
1 iogurte natural
1 colher de café de corante alimentar verde


Juntar meia lata de aloe vera ao leite e passar com a varinha mágica.
Levar ao lume até aos 50ºc, juntar o açúcar e mexer muito bem. Deixar
repousar um minuto ou dois, adicionar o iogurte e mexer bem durante mais um
minuto ou dois. Adicione o corante alimentar e mexa.

Deitar alguns cubos (4 ou 5) de aloé vera (o que resta da metade da lata) em cada copo e encher com o preparado anterior. Fechar com a tampa e levar à iogurteira durante 10 horas. Deixar repousar no frigorífico durante mais umas 3 horas antes de consumir.

Foi o meu irmão que me passou a receita. São uma delícia experimentem.

Quase me esquecia...na foto, a de preto e branco sou eu (lado direito).

segunda-feira, 30 de Março de 2009

Muffins de Morango com Buttermilk, Selos e Desafio

Meninas que me passaram desafios e mimos estes últimos dias, peço desculpa pela demora em colocar aqui no meu cantinho, mas o tempo passa por aqui mas não quer ficar o malandro! :)

A minha querida amiga Nela enfiou-me um barrete! heheh Obrigada, mas super chefe não serei concerteza, talvez uma mini super chefe ;)



A Nela também me passou este selinho carinhoso :)



Já a minha querida Janeca quer que eu seja feliz. Venha ela que nunca é demais!



Passo estes selinhos a todos que comentarem e que ainda não os tenham!

A simpática argas lançou-se um desafio que consiste no seguinte:

Vá a sua pasta de fotos no computador.
- Vá ao sexto arquivo de fotos, procure a sexta foto.
- Coloque essa foto no blog e escreva alguma coisa sobre ela.
- Convide 6 amigas para participar e publicarem suas fotos.

Pois bem, aqui está ela. Sou eu e umas amigas num jantar de aniversário de uma delas. Não vou dizer qual sou eu, vamos ver quem adivinha heheh





Para aqueles que ainda não fugiram ou adormeceram a ler este post, aqui vai a receita dos muffins! Ficam muito fofos e são uma delícia.



Ingredientes:

350g de farinha de trigo
200g de açúcar
2 colheres chá de fermento
1/2 colher chá de bicarbonato
1/2 colher chá de sal
raspa de 1 laranja grande
1 ovo grande
200ml de buttermilk
140ml de óleo
1 colher chá de essência de baunilha
350g de morangos não muito grandes, cortados em fatias finas.

Preparação:

Pré-aquecer o forno a 180 graus. Forrar formas de alumínio com
forminhas de papel.

Numa tigela grande peneirar a farinha, juntar o açúcar, o fermento,
bicarbonato e o sal. Adicionar a casca de laranja e os morangos, e
envolver bem, para que os morangos fiquem completamente enfarinhados.
Numa tigela mais pequena, à parte, bater o buttermilk com o óleo, o ovo
e a baunilha. Adicionar ao conteúdo da primeira tigela e bater só o suficiente para
ficar tudo misturado. Dá uma massa bastante grossa. Encher as formas
quase até ao topo e levar a cozer durante pelo menos 20 minutos,
verificando a cozedura aí a partir dos 18.



Esta receita é do meu irmão, mas não sei de onde a tirou. Se for da autoria de alguém que diga, para dar os devidos créditos!

No próximo post coloco os restantes desafios. Beijocas a todos e uma óptima semana!

segunda-feira, 23 de Março de 2009

1º Aniversário do Meu Cantinho



Faz hoje um ano que me iniciei nesta aventura dos blogs de culinária. Neste ano que passou conheci pessoas fantásticas, que através dos comentários e visitas ao meu cantinho, me acarinharam e incentivaram a continuar. Um obrigado a todas elas, que apesar de serem amizades virtuais, têm para mim a mesma importância e valor que dou aos meus amigos "reais".
Espero conhecer muitos mais nos próximos anos :)
Um obrigado a todos vós.